Igreja de Santo André

Igreja de Santo André

Construída pelos Jesuítas no meado do século XVIII em honra a Santo André, Padroeiro de Ituberá, a igreja está localizada estrategicamente no alto de uma colina.
A Igreja de Santo André revela traços de uma arquitetura secular e é uma das principais atrações da cidade.
O templo abriga a tradicional festa em homenagem ao padroeiro local, comemorado todos os anos no dia 30 de novembro, antecedido com nove noites de orações (novena). As atrações religiosas e culturais integram um grande atrativo turístico e aquecem a economia de Ituberá neste período do ano.

Pela sua importância religiosa, não só para os cristãos católicos de Ituberá, mas, para romeiros de diversas partes da Bahia e do Brasil, a Igreja de Santo André é considerada pela Igreja Católica como um Santuário.